Esta história – penso que jogos com esse devem ser pensados mais como uma história com a interação do jogador que dizer que é um jogo – é sobre diferentes tipos de amizade: aquelas que começam na infância, as mais novas…

Aqui, o jogador assume o papel de um jovem, Alexandre– ou Alex, para os mais próximos -, no primeiro ano do curso de design em uma faculdade– eu tento, normalmente, fazer jogos onde o jogador escolhe o sexo do personagem, porém neste caso acredito que escrever com experiências pessoais irá tornar a experiência mais real, não fantástica, mas genuína – e seus amigos.

Para criar estes personagens, penso em usar estereótipos para os jogadores entenderem claramente quem são, quem é mais estudioso, mais festeiro, e assim por diante. Mas não vejo esses personagens apenas como estereótipos: ninguém é definido apenas por uma única característica, alguém que quase toda noite vai para uma festa pode trabalhar depois da escola para ajudar a família, descansando nos fins de semana.

Imagino quatro personagens principais neste jogo, além do personagem principal:

  • Valentin, um dos amigos mais velhos de Alex – suas famílias se conhecem há bastante tempo. Ao invés de ir para uma faculdade, busca entrar no cenário do esgrima profissional. É protetor com as pessoas que gosta, e com o dinheiro que pode ganhar, irá dar à sua irmã um lugar melhor para viver – a casa da sua família é pequena, não muito confortável e longe de escolas de ensino médio e faculdades, mas não pode oferecer um quarto para irmã pois divide um apartamento com um colega. Alex confia em Valentin com tudo, e passaram as últimas férias antes da faculdade juntos, em uma viagem para Europa – ambos trabalharam quando possível e economizaram o possível por três anos para tornar a viagem possível.
  • Samuel, que pede para as pessoas o chamarem de Sam, é um colega de Alex do ensino médio. Ele também foi para uma faculdade, mas para estudar Direito – paga bem e ele pode usar o dinheiro para satisfazer seus desejos e conseguir garotas. Ele é um mulherengo desde antes de conhecer Alexandre, mas tenta não ser um babaca: é um cavalheiro que tenta ajudá-las, mas acaba em um relacionamento com elas. Sua família é muito religiosa, que doa tudo que a Igreja pede, sendo a razão para se distanciar deles e procurar um emprego que pague bem.
  • André é o amigo mais recente de Alexandre – se conheceram em uma cafeteria, após o vestibular, e descobriram que iam para a mesma faculdade, no mesmo curso. Ele estuda mais que Alexandre – ele é formal no jeito que fala, e tenta agir da forma mais elegante possível, mesmo em situações onde isso não é necessário -, ficando muito tempo na biblioteca ou estudando design em seu computador.
  • Rosemarie conheceu Alex na infância. Ela trabalha em uma confeitaria, nas cozinhas – é interessada em fazer doces depois de ver um filme sobre isso -, e faz bicos como babá. É namorada de Valentin, depois que Alex os apresentou, mas ele pediu para ela não interferir em sua vida, e faz o seu melhor para não o fazer: ela ajuda a irmã dele com o ensino médio, mas algo maior, como oferecer um quarto para ela, não faz parte do acordo entre eles.

Acredito que estes personagens são interessantes para ouvir suas conversas sobre suas vidas, o que fazem… e são temas que podem ser discutidos de forma diferente que histórias contadas no colégio: essas são pessoas começando suas vidas “de verdade”, que tem medos, desejos, e opiniões que podem ser diferentes do personagem principal.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *