Eu não gosto muito do nome, mas ele se encaixa com a ideia.

Você era um aldeão comum que, ao invés de desejar ser um espadachim, um grande herói para o povo, apenas pediu para ser um herói. Foi amaldiçoado, então, à apenas defender seus aliados: ele pode usar sua espada para bloquear ataques, ou um escudo, ou qualquer coisa para se defender, mas se for atacar alguma coisa, ele sofrerá o mesmo dano que causou.

Este é um RPG tático, que dura dois ou três minutos: tempo o bastante para o jogador pensar em uma estratégia, ver se funciona e ganhar recompensas. Como o jogador não causa dano, ele deve ir para a frente, atraindo inimigos e deixar os aliados causarem o dano, ou ajudá-los com efeitos especiais, um poder único. Acredito que o jogo usaria um sistema com cinco formas de ataque, com uma desvantagem, uma vantagem e dois efeitos neutros, permitindo batalhas mais rápidas, mas que deixa o jogador jogar sem se preocupar, tanto, com vantagens e desvantagens.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *